FUNDEC PROMOVE PALESTRA SOBRE O OUTUBRO ROSA NO POLO SOCIAL

30/10/2019

Na tarde da última terça-feira (29), foi realizada no Polo Social, uma palestra sobre o encerramento da campanha do Outubro Rosa.

As palestras foram ministradas por representantes da Secretaria Municipal de Saúde de Duque de Caxias. Palestraram a psiquiatra Maria Carolina, o psicólogo Armando José, a enfermeira Nayara Mayagre e a assistente social Vanessa Rosa.

O objetivo da ação foi conscientizar os alunos, o corpo discente e familiares sobre a importância da prevenção, através do autoexame e da mamografia.

“É importante falar sobre esse assunto, ainda temos muitas dúvidas em relação esse assunto. Foi bastante esclarecedor a palestra. Eu mesmo achava que se a mãe tivesse tido câncer, a chance de a filha ter era maior. E na verdade, isso não influencia muito”, contou a aluna Alicia Cavalcante.

As palestrantes demonstraram a técnica correta da realização do autoexame e o psicólogo alertou aos homens presentes que eles também precisam se cuidar, pois são registrados casos de homens com câncer de mama, apesar de ser apenas 1%. A médica psiquiátrica Maria Carolina reforçou a ideia de propagar a informação: “A maioria dos casos são detectados primeiramente com o autoexame, por isso ele é muito importante. Porém, ainda hoje as mulheres tem vergonha dos seus corpos e não o realizam. A mamografia só vai confirmar algum indício, mas o autoexame é o mais importante”.

Além de abordar um tema importantíssimo, na plateia havia pessoas surdas e as alunas do curso de LIBRAS da Fundec fizeram a tradução simultânea durante toda a apresentação, mostrando mais uma vez como a Fundec se preocupa com a inclusão de todos. O coordenador da unidade Marcos Ribeiro falou sobre essa parte: “Nós não sabíamos que teria tradução, foi uma surpresa. Eu fiquei bastante emocionado. É nossa função informar a todos, e poder fazer isso utilizando nossas alunas do curso de LIBRAS foi sensacional”.

O câncer de mama é segundo tipo que mais acomete brasileiras, representando em torno de 25% de todos os cânceres que afetam o sexo feminino. Para o Brasil, foram estimados 59.700 casos novos de câncer de mama em 2019, com risco estimado de 56 casos a cada 100 mil mulheres. Os principais sinais e sintomas da doença são: caroço (nódulo), geralmente endurecido, fixo e indolor; pele da mama avermelhada ou parecida com casca de laranja, alterações no bico do peito (mamilo) e saída espontânea de líquido de um dos mamilos. Também podem aparecer pequenos nódulos no pescoço ou na região embaixo dos braços (axilas).

O presidente da Fundec Joílson Cardoso também compareceu ao evento, ele esteve acompanhado do diretor de educação Márcio Coutinho.

Procure seu médico, faça atividades físicas três vezes por semana e mantenha uma alimentação saudável.